Relatório Focus Bacen de 5 de abril de 2021

Relatório Focus Bacen de 5 de abril de 2021

Análise do Relatório Focus Bacen de 5 de abril, do Banco Central do Brasil, por Carlos Daniel Coradi, engenheiro e mestre em administração.

Por Carlos Daniel Coradi em 05/04/2021

O Relatório Focus Bacen de 5 de abril, apresenta: na primeira semana de abril, o destaque fica para o forte crescimento da inflação, em todos sentidos. Se antes ela ficava represada nos índices do atacado (pois o IGP da FGV subia muito forte, mas não o IPCA do IBGE), agora o “represamento dos preços no atacado” já chegou ao varejo.

Vejam o IPCA do IBGE, quem em quatro semanas pulou de 3,90% como previsão para 2021 para 4,81% nesta primeira semana de abril.

Mas a subida do IGPM da PGV também pulou de 8,98% para 2021 a 4 semanas para 12,63% nesta semana! Simples, vá ao supermercado e compare preços, tudo subindo muito!

Vamos ver os principais indicadores com indicação sobre a semana anterior:

  • Inflação pelo IPCA calculado pelo IBGE, ano de 2021: 4,81 %, igual;
  • Inflação pelo IGP – M calculado pela FGV, ano de 2021: 12,63 %, subindo;
  • Previsão do crescimento do PIB do Brasil, ano de 2021: 3,17%, baixando;
  • Previsão da produção industrial para 2021: 5,29%, subindo;
  • Previsão da taxa do dólar, fim de 2021, R$/US$: 5,35, subindo;
  • Previsão da balança comercial externa para 2021: US$ 55 bilhões, igual;
  • Previsão do Investimento direto para 2021: US$ 55 bilhões, igual;
  • Saldo atual de divisas em bilhões de dólares, março 2021: US$ 342,57, pico, US$386 bi, junho de 2019. Dados iguais à semana anterior.

Sobre o Relatório Focus Bacen de 5 de abril de 2021

A pandemia cresce de modo assustador, levando cidades no Brasil e também no exterior irem para o fechamento total, o chamado “Lockdown”. Isso é um golpe severo na economia dos pequenos empresários. Apregoar distanciamento social, evitar aglomerações, todos com máscaras, lavagem frequente das mãos e álcool gel são medidas eficazes se generalizadas. E a saída final é a vacinação total da população, o que necessita ações integradas dos três poderes.

*Carlos Daniel Coradi é engenheiro, mestre em administração de empresas e presidente da EFC – Engenheiros Financeiros & Consultores.


Foto: reprodução Bacen.